segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

PT, PSDB e DEM: Os partidos mensaleiros


O Distrito Federal custa quase R$ 8 bilhões de reais a União porque hospeda a capital da República. Isso dar em média R$ 324 reais por contribuinte a cada ano, não importando onde ele viva no país.

A história da autonomia política é tão curta quanto rica em escândalos. Quem puxou a fila foi Luis Estevão, cassado nove anos atrás. O então senador perdeu o mandato porque foi acusado de desviar dinheiro da construção da sede do TRE de São Paulo. Depois veio José Roberto Arruda, que foi obrigado a renunciar porque mandou violar o painel eletrônico do Senado. Três anos atrás, foi a vez do recém eleito senador Joaquim Roriz. Ele renunciou para não ser cassado. Foi flagrado ordenando a partilha de R$ 2 milhões e 200 mil reais pagos em cheques pelo empresário Neném Constantino, um dos donos da GOL.

Apesar de todos os pecados, José Arruda acabou se elegendo governador do Distrito Federal. Agora está na eminência de renunciar ou ser cassado sob acusação de chefiar o chamado “esquema do panetone”, e com ele podem cair também o vice-governador Paulo Otávio, que é o empreiteiro mais rico e poderoso da cidade e o presidente da Câmara, Leonardo Prudente.

Essa sucessão de vexames deu a Brasília o título triste de campeã nacional da bandalheira política. Além de todos os problemas que sofriam para a linha sucessória imediata,a falta de compostura e a corrupção, acabaram fazendo com que os principais candidatos com mais chances nas próximas eleições perdessem a condição moral de pleitear mais um mandado.

É uma situação muito triste, mas infelizmente não chega a caracterizar uma exceção diante do complicado cenário político nacional.

O PT, nacionalmente sepultou o escândalo do mensalão. Logo depois veio o mensalão do PSDB que pegou os tucanos em cheio, e acaba de colocar o senador Eduardo Azeredo nos bancos dos réus.

Com as imagens contundentes do flagrante do DEM (Dinheiro Em Meias) coloca os democratas no rol dos mensaleiros. Resta saber então, a quem sobrou condição moral para trazer a ética de volta aos palanques nas próximas eleições?

Fábio Pannunzio

0 comentários:

 

My Blog List

Seguidores

Folha de Batalha © 2009 Designed by Ipiet Customizado por Manoel Filho