sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Querido e idolatrado no sertão.


O Padre Alemão Henrique Geraldo Martinho Gedeon, 70 anos, pároco de Conceição do Canindé e São Francisco de Assis, está realizando um trabalho social extraordinário no semiárido do Piauí. Foi dele a idéia de doar para cada agricultor quatro colméias para que servisse de alternativa de complementação da renda na agricultura de subsistência, o que transformou a microrregião de Simplício Mendes em uma das maiores produtoras de mel orgânico do país. Mel esse que é exportado para os Estados Unidos e Europa. Atualmente, há 32 casas de mel naquele município.

Foi ele quem projetou e, com ajuda dos pedreiros mobilizados na região, construiu 43 barragens de pedras e cimento, 30 açudes cavados por tratores e 1.400 cisternas para acumulação de água durante o período chuvoso para que as populações enfrentassem o período seco e vivessem com dignidade não precisando fugir em busca de comida e emprego nos Estados da região Sudeste abandonando suas famílias.

Organizou quatro assentamentos de trabalhadores rurais, sendo dois em Simplício Mendes, um em Nova Santa Rita e um em Pedro Laurentino, somando em mais de 20 mil hectares de terras.

O padre consegue doações entre seus amigos, entidades e organizações européias para construir barragens, açudes, cisternas, implantar Centro de Caprinocultura, onde os criadores são qualificados no manejo de cabras para que a atividade possa ser lucrativa.

Esse alemão é mais piauiense do que muitos que nasceram aqui. Ele está ensinando os mais pobres a sobreviver com dignidade em meio à aridez do sertão. A região é muito pobre, mas há riqueza de espírito e vontade de trabalhar pelo próximo. Que Deus conserve este homem por longo tempo e abra a cabeça dos que governam esse Estado.

0 comentários:

 

My Blog List

Seguidores

Folha de Batalha © 2009 Designed by Ipiet Customizado por Manoel Filho