segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Título conquistado na trapaça?


Depois de 17 anos esperando, o Flamengo foi consagrado nesse último domingo campeão brasileiro de 2009. Tudo seria perfeito, se não fosse as suspeitas das declarações do presidente tricolor gaúcho e alguns jogadores gremistas em entregar o título ao rubro negro carioca, evitando assim que o arquirival do Grêmio, o Internacional, se consagrasse campeão ao invés do Flamengo.

Outro fato agora, chamou atenção: Num vídeo postado na internet, Bérgson substitui Roberson aos 25 do segundo tempo. Ao entrar em campo, de acordo com leitura labial feita, Bérgson grita 'Parou!' para Douglas Costa. No lance, o árbitro Héber Roberto Lopes está ao lado dos dois jogadores. Pouco depois, o atleta vai até Douglas e fala 'Não chuta mais a gol'.

Em outro momento da partida, Adriano e Léo aparecem conversando com a mão na frente do rosto. Uma legenda então questiona: 'Por que tapar a boca... os dois?'

A polêmica já foi instaurada. As imagens estão aí. Resta agora ao STJD analisar o vídeo e se comprovada a irregularidade, punir os culpados.

7 comentários:

joaquimmelo57 on segunda-feira, dezembro 07, 2009 disse...

não adianta fazer suposição e nem inventar nada, pois o que interessa é que o nosso flamengo é exacampeão brasileiro. abraços:joaquim melo.

José Ribamar on terça-feira, dezembro 08, 2009 disse...

Boa Tarde Carlinhos e Everardo,

Sei o quanto esse site é visto NÃO SÓ POR NÓS BATALHENSES mais por tantos outros colegas mundo afora,por isso venho lhe informar que hoje no site globo.com foi noticiado que a informação veiculada é falsa pois foi solicitado que um especialista em leitura labial lesse o que a dupla falou e foi constatado apenas as palavras " mesma coisa / mesma coisa / mesma coisa / continua " ,
vocês podem dar uma verificada no site tá,é que somos flamenguistas e apesar de que ninguem vai tirar esse titulo,mais fica um pouco feio né.

Grande abraço a todos

JOSÉ DE RIBAMAR

JORGE RODRIGUES on terça-feira, dezembro 08, 2009 disse...

Fico triste ao ler materias relacionando o titulo do Flamengo com uma mera vitoria, ou algo que fora manipulado para que o mesmo pudesse ser campeão.
Senhores o Flamengo perdeu quando tinha que perder, empatou quando tinha que empatar e venceu quando tinha que vencer, pelo menos foi isso que todos viram no decorrer do campeonato. Nao vamos aqui diminuir essa grandiosa vitoria,
ate porque os ditos grandes(Palmeiras, São Paulo, Internacional, Atletico Mineiro e Cruzeiro), tiveram tudo pra vencer e foram incompetentes.
Temos apenas que dar parabens ao hexa campeao Flamengo(O site da FIFA assim o conclama) e aos integrantes da proxima Libertadores e desejar boa sorte no ano que vem, aos que nao tiveram compentencia de classificação no seleto grupo de equipes que irão competir em 2010, no maior evento futebolistico das Americas.
Saudações Rubro Negras!!
Jorge Rodrigues

Carlos on terça-feira, dezembro 08, 2009 disse...

Jorge
entrei no site da fifa, e para minha surpresa, a entidade máxima do futebol considera o Flamengo como PENTA e não hexa.
Confira o link e comprove vc mesmo o que mostra a FIFA:

http://www.fifa.com/classicfootball/clubs/club=44132/index.html

Outra coisa, a CBF diz o mesmo, isto é, somente 5 títulos e não 6.

alexandre on terça-feira, dezembro 08, 2009 disse...

Meu amigo Carlinhos, seu Palmeiras não conseguiu ficar nem entre os quatro nem pra Libertadores vai, então por favor não tente tirar o brilho da campanha que resultou no títilo do Mengão e por favor se conforme!!!!!!!!!!!!
Ah sim, o Mengão é Hexa querendo a Fifa ou não!!!!!!!!!!!!!!

Olívia Ohana ;) on sexta-feira, dezembro 11, 2009 disse...

Engraçado...
Voce não deve ser flamenguista né, pra colocar uma coisa dessa...já que não gosta, respeite os que AMAM.
Visitemotheseizeit.blogspot.com ;)

Josh on terça-feira, fevereiro 02, 2010 disse...

Gente, é tão SIMPLES!
Sport foi campeão do módulo amarelo (série B) e o Flamengo do módulo verde (série A)!

 

My Blog List

Seguidores

Folha de Batalha © 2009 Designed by Ipiet Customizado por Manoel Filho