quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Caso do dinheiro nas meias: Arruda é preso pela PF


De acordo com o site da GLOBO, o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (sem partido, ex-DEM), já se entregou à Polícia Federal, após ter a prisão preventiva decretada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Os ministros da Corte Especial do STJ se reuniram nesta quinta-feira (11) e decidiram pelo pedido de prisão feito pela subprocuradora geral da República Raquel Dodge e pelo procurador geral, Roberto Gurgel. Por 12 votos a 2, os 15 magistrados mais antigos do tribunal referendaram a decisão do presidente do inquérito do mensalão do DEM, ministro Fernando Gonçalves, de prender arruda.

Ao saber da reunião da Corte do STJ, o assessor de comunicação do governo do Distrito Federal, André Duda, já havia dito que Arruda se entregaria caso a prisão se confirmasse.

O governador será mantido na sala tecnocientífica da Superintendência da PF, em Brasília. O local representa a "sala de Estado Maior", a que os governantes têm direito em caso de prisão.

A assessoria disse que o governador recebeu com "serenidade" o mandado de prisão. "Tão logo se soube da decisão do STJ o governador aceitou de maneira serena a determinação e preferiu se dirigir diretamente à Superintendência da PF mesmo com a PF oferecendo outro lugar para o governador", disse o assessor André Duda.

Assim que chegou na Superintendência, Arruda se reuniu com o direitor-geral da Polícia Federal, Luiz Fernando Corrêa.

NOTA DA REDAÇÃO


Se todos os políticos corruptos do Brasil fossem presos, faltariam presídios para caber tantos ladrões.

0 comentários:

 

My Blog List

Seguidores

Folha de Batalha © 2009 Designed by Ipiet Customizado por Manoel Filho